Fechar busca

Digite o nome do produto

Digite o nome do produto e toque em Ir ou selecione um produto da lista.
R$ 0,00

Meu Carrinho

Indique amigos e ganhe créditos em nossa loja!

Provavelmente, você já ouviu falar que produtos orgânicos são mais saudáveis, mais saborosos e nutritivos. Mas afinal, o que é um alimento orgânico?

Alimentos orgânicos são aqueles produzidos sem agrotóxicos, sem adubos químicos, pesticidas outras substâncias sintéticas. Cultivados de maneira natural, respeitando o solo, sem prejudicar o meio ambiente e os recursos naturais. 

 

Aprenda a fazer uma horta em casa


Características da agricultura orgânica

 

A agricultura orgânica  considera as características do solo, clima e biodiversidade. Além disso, está alinhada com a causa social, ambiental e ecológica. 

Como a agricultura orgânica está diretamente ligada à agricultura familiar, afinal grande parte da produção é feita por pequenas famílias de agricultores o que impacta diretamente na economia local. 

Um dos pontos importantes do cultivo orgânico é o desenvolvimento socioeconômico. Afinal, a agricultura orgânica está diretamente ligada à agricultura familiar, já que grande parte da produção é feita por pequenas famílias. 


Produção orgânica

 

Tendo como fator determinando a conservação dos recursos naturais, a agricultura orgânica utiliza técnicas e ferramentas sustentáveis. Além de não usarem componentes químicos, a adubação é feita através de compostagem, estercos de animais e a minhocultura que oferece fertilidade sendo um excelente fertilizante orgânico para o solo. Já para afastar as pragas das plantações é feito a rotação de cultivos e o plantio de espécies.

 

5 vantagens do plantio orgânico para o meio ambiente

 

A água é outra importante preocupação com o meio ambiente.  Na agricultura orgânica preserva-se a qualidade da água utilizada para o plantio e irrigação, uma fez que não polui os rios e lençóis freáticos.

 

Além disso,  é utilizado a irrigação por gotejamento nas plantações orgânicas, técnica que foca na economia dos recursos hídricos e do solo. 

 

Confira mitos e verdades sobre os alimentos orgânicos


Certificação orgânica

 

Um alimento orgânico deve apresentar certificado credenciado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). A certificação orgânica apresenta-se sob a forma de um selo SisOrg impresso nas embalagens ou rotulo do produto. Para serem comercializados os alimentos orgânicos precisam desse selo. Por isso, esteja atento, só é orgânico aquele produto que possui o selo.


Um alimento orgânico deve apresentar:

 

  • Práticas ecológicas no início ao fim da produção
  • Não possuir agrotóxicos ou outras substâncias químicas
  • Deve ter selo orgânico
  • Deve apresentar identificação no rótulo


Calendário dos alimentos orgânicos

 

Na agricultura orgânica é necessário saber o período correto para plantar e colher determinado alimento. É necessário analisar as variações de clima, avaliação do solo, quais ferramentas, insumos e técnicas utilizar. Todos esses fatores devem ser analisados para evitar possíveis pragas, doenças e para levar a produção adiante. 

 

Vale a pena consumir orgânico?

 

Inúmeras pesquisas já revelam que consumir alimentos com agrotóxicos trazem prejuízos ao organismo. Se você busca uma vida mais saudável prefira comprar orgânicos.  Além dos benefícios relacionados à saúde de quem produz e consome, existem ganhos inegáveis ao meio ambiente e para a economia local e para as famílias de agricultores familiares. Só bons motivos, não é mesmo? 

 

Viu só como a alimentação orgânica só tr  benefícios? Você sabia que nós temos pratos saudáveis e orgânicos? Você encontra suas opções favoritas em nosso cardápio.