Fechar busca

Digite o nome do produto

Digite o nome do produto e toque em Ir ou selecione um produto da lista.
R$ 0,00

Meu Carrinho

Indique amigos e ganhe créditos em nossa loja!

Separamos uma lista com 5 alimentos que podem ser grandes armadilhas no processo de emagrecimento.

 

Mudar a rotina alimentar é fundamental para manutenção de uma dieta de emagrecimento. Dentre os hábitos recomendados, está a adoção de lanches rápidos, os chamados lanches intermediários, entre as refeições principais (café da manhã, almoço e jantar).

 

Os lanches rápidos garantem o fracionamento das porções, diminuindo a fome e os possíveis excessos no momento da refeição.

 

Além disso, são os lanches rápidos que “informam” ao corpo que ele terá alimento no decorrer do dia, fazendo com que o metabolismo não fique “estacionado” para evitar o gasto energético, fator que influencia no aumento do peso corpóreo.

 

O que ocorre é que, na correria do dia a dia, nem sempre dedicamos a atenção necessária a esses lanchinhos, escolhendo os alimentos errados nessa alimentação intermediária. 

 

Isso pode não parecer um problema, mas, não se engane, apesar de serem as menores refeições do dia, os lanches rápidos podem auxiliar ou colocar tudo a perder na dieta que está sendo seguida.

 

Por isso, para esclarecer possíveis enganos, separamos uma lista com 5 alimentos que costumam ser lembrados na hora de perder peso, mas não auxiliam no emagrecimento e muitas vezes até o prejudicam, já que acabam sendo consumidos em excesso ou acompanhados de recheios altamente calóricos.

 

Fique atento às suas escolhas!

 

 

- Frutas secas e oleaginosas

 

Elas são gostosas e promovem sensação de saciedade. Seriam perfeitas para ser um daqueles lanches rápidos que mantêm a alegria durante a dieta, se não fosse o alto índice calórico.

 

Engana-se quem pensa que elas são cúmplices do emagrecimento. No caso das frutas secas, o problema vem por conta da frutose. Já nas oleaginosas, o ponto negativo vem do seu alto teor gorduroso.

 

Portanto, ao optar por seu consumo nos intervalos das refeições é necessário assumir o autocontrole e fracionar as porções, conforme orientado no rótulo.

 

 

- Lanche natural

 

Outra opção perigosa quando falamos de lanches rápidos durante a dieta são os lanches naturais.

 

Isso porque, normalmente, os lanches naturais vendidos prontos vêm com recheios como maionese, peito de peru e até salame. Além disso, eles nem sempre são montados em pães integrais, o que faz com que sejam escolhas pouco saudáveis e tão calóricas quanto outros lanches.

A solução é montar seu lanche em casa ou ficar de olho nos ingredientes e na tabela nutricional do lanche escolhido fora.

 

- Torradas

 

Muito lembradas por quem está de dieta como opções de lanches rápidos, as torradas têm a mesma quantidade calórica que um pão tradicional e, por isso, devem ser consumidas com controle, em pequenas porções por lanche, do contrário, elas podem jogar no lixo todo seu esforço.

 

Além disso, para elas, vale a máxima do lanche natural: optar por cremes/recheios mais saudáveis e menos calóricos.

 

- Biscoitos de água e sal

 

Eles não seriam a pior escolha para os lanches rápidos de quem está de dieta, já que têm menos calorias do que um pão.

O problema aqui é que, além de terem certo teor de gordura em sua composição, eles são digeridos rapidamente, o que faz com que a fome volte rápido, podendo ser um inimigo da sua perda de peso.

 

Vale repetir que, assim como os lanches naturais e as torradas, o creme/recheio passado nos biscoitos também modifica completamente o valor calórico dessa alternativa.

 

- Barrinha de cereal

 

Quase campeã quando o assunto é opção prática de lanches rápidos, as barrinhas de cereal pecam com versões que levam chocolate, xarope de glicose e até mesmo açúcar refinado, que acabam aumentando o nível de insulina no organismo, e gerando gordura abdominal.

 

As versões mais aceitáveis são feitas somente com sementes e oleaginosas, e adoçadas com mel no lugar do tão temido açúcar. Elas são menos calóricas, embora não estejam associadas com o processo de emagrecimento. 

 

Aqui, a leitura do rótulo é imprescindível para quem não quer abrir mão delas.

 

Emagrecer com saúde

 

Deve-se lembrar que o processo de emagrecimento precisa ser tratado com seriedade, respeitando os limites do nosso corpo e sem agredir a nossa saúde. 

 

Dessa forma, o ideal é que ele seja acompanhado por um profissional que possa adequar o cardápio à rotina e ao gosto de cada um, cuidando para que não haja restrições exageradas e até mesmo perigosas.

 

2Marias

 

Na 2Marias, todo o menu é produzido com ingredientes orgânicos e elaborado pela nossa nutricionista funcional, Dra. Karin Paciulo.

 

Com kits completos voltados ao emagrecimento e desintoxicação, e também para os frequentadores de academia (pós-treino) e adeptos de dietas low carb, nós equilibramos seu dia a dia com sabor e saúde, respeitando o seu corpo e os seus objetivos.